quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Adopção

Já por várias vezes apanhei membros da minha família a olharem para mim enquanto lido com o meu afilhado e a dizerem: "Ele vai ser um excelente pai." Ao que contradigo sempre "Por enquanto isso não pode acontecer. Tenho de me contentar com o meu príncipe". 

Na segunda, encontrei-me com colegas de trabalho que já não via há alguns meses e começámos a falar sobre casas e afins, até porque onde eles moram gostava eu de morar, e como eu e o Mr. NB andamos a ver de casas para nos juntarmos tivémos a falar sobre isso. Claro que surgiu a conversa dos filhos e diz a R. no meio da conversa: " Ponham mas é os papéis para a adopção que isso demora tempo". Disse-lhe que não dava porque ainda não era permitido, apesar de o meu relógio biológico estar a dar horas, já termos decidido quantos filhos queremos e de estar a treinar com o meu afilhado. 

Cheguei a casa e eis que me aparece esta notícia.

É de dizer, até que enfim! 

Kisses & Hugz,

Little Tiago Boy

8 comentários:

Nobody's Bitcho disse...

A tua sogra tá com pressa. Tens que lhe dizer pra ir fazer manif para S. Bento, pra ver se a coisa anda mais depressa.

Little Tiago Boy disse...

Podia ter dito isso no texto. Lolol

Horatius disse...

Bem, espero o convite para o batizado xD

Little Tiago Boy disse...

Primeiro tem de haver criança :p

O Anfitrião de Lisboa disse...

Já tinha pensado nisto. Com maioria de esquerda irá - espero - ser mais fácil passar uma série de leis.

Little Tiago Boy disse...

Esperemos bem que sim. :)

Goodblog Badblog disse...

Avancem de forma individual. É permitido por lei e há imensos casos em Portugal.

Little Tiago Boy disse...

Por enquanto ainda não reunimos os requisitos. Mas se até lá não for aprovada em conjunto, será uma opção ;-)