sábado, 28 de março de 2009

Hora do Planeta




O que começou como um movimento quase espontâneo que pretendia incentivar os habitantes de Sidney a apagar as suas luzes e despertarem para os problemas ambientais, cresceu e tornou-se numa das maiores iniciativas mundiais de luta contra as alterações climáticas.
Em 2009, às 20H30 de 28 de Março, pessoas em todo o mundo são desafiadas a apagarem as suas luzes por uma hora – a Hora do Planeta.

Pretende-se este ano que mil milhões de pessoas, em mais de 1000 cidades, se unam em torno deste movimento e com este gesto simbólico mostrem que é possível tomar medidas contra o aquecimento global.

A Hora do Planeta começou em 2007, na cidade australiana de Sidney. Nessa altura 2,2 milhões de habitações e empresas desligaram as suas luzes por uma hora. Apenas um ano mais tarde é que este evento se transformou no movimento global para a sustentabilidade que é hoje, com a participação de cerca de 100 milhões de pessoas e abrangendo 35 países.

Desde então, marcos emblemáticos mundiais, tais como a ponte Golden Gate, em São Francisco (EUA), o Coliseu de Roma, em Itália, e o painel publicitário da Coca-Cola em Times Square (Nova Iorque, EUA), ficaram às escuras, como símbolos de esperança por uma causa que se torna mais urgente a cada hora que passa.

A Hora do Planeta 2009 é um apelo global de acção a todos os cidadãos, todas as empresas e todos os Governos. Um apelo para marcar presença, assumir responsabilidade e envolver-se num esforço conjunto para um futuro sustentável.

Edifícios e marcos simbólicos, desde a Europa até às Américas, vão permanecer às escuras no dia 28 de Março. Em várias cidades do mundo, incluindo Lisboa, as pessoas vão apagar as luzes e unir-se para criar uma acção vital que se pretende que desencadeie a discussão sobre o futuro do nosso precioso planeta.

Mais de 70 países vão participar na Hora do Planeta 2009. Este número cresce diariamente à medida que as pessoas começam a entender este movimento como um acto tão simples que pode gerar tão profundamente a mudança.

A Hora do Planeta é uma mensagem de esperança e uma mensagem de acção. Cada um de nós pode fazer a diferença!

Às 20:30 do dia 28 de Março de 2009 apague as luzes e veja a diferença que pode fazer no combate ao aquecimento global; registe-se em http://www.earthhour.org/portugal e junte-se ao movimento HORA DO PLANETA.

Copiado de [COMYXTURA].

Eu vou apagar a minha luz, e tu?
Vamos ajudar a evitar o 2012!

Kisses & Hugz
Little Tiago Boy

sexta-feira, 27 de março de 2009

Recordações #2



Uma música com a que cresci, e que valeu uma alcunha dada pelo meu pai, "Little Prince of the Universe"....

"I have no rival/No man can be my equal (...)"

Thanks D!

terça-feira, 24 de março de 2009

Desabafo

Neste momento, tenho um caso de abandono infantil e negligência maternal na família, uma prima minha (cujo maior sonho era casar e ter filhos) abandonou o marido e o filho (de somente 2 anos), durante a madrugada (levantando todo o dinheiro que tinham da conta), para ficar com outro homem, que por sua vez deixou a mulher e duas filhas.

Que queiram ficar juntos, separar-se dos respectivos cônjuges, todos nós percebemos, mas abandonar os filhos??? Isso nunca!!!

Estamos todos completamente de rastos, e sem saber o que pensar, ou o que dizer, mas no meio disto tudo, o mais grave, é só agora, estar-se a descobrir, ao fim dos dois anos de vida do benjamim da família, que a mãe o negligenciava, não tratando dele como deve ser, ao ponto, do puto, neste momento não perguntar sequer pela mãe...

Para mim, custa-me porque trabalhamos no mesmo sítio, e encontramos-nos várias vezes por dia, mas custa mais ainda, saber que "maltratou" o próprio filho e que o abandonou, deixando o marido e o filho, sem dinheiro, durante a madrugada...

Ontem, antes de adormecer, lembrei-me da adopção de casais homossexuais, e quem me dera, ter condições neste momento, porque eu estendia a mão, com todo o gosto, para ajudar o meu menino.

Nestes caso, eu pergunto, mais vale uma criança ser abandonada pelos pais? Negligenciada e mal tratada? Viver sem carinho, educação, amor?

Um casal homossexual, pode dar tudo isso, é um casal como outro qualquer.

Enfim...
Talvez um dia, eu e o meu menino, possamos adoptar uma criança e ama-la, educa-la, acarinha-la e dar-lhe tudo o que uma criança merece...

sábado, 21 de março de 2009




"I came around to tear your little world apart, and break your soul apart"

Garbage - Vow

terça-feira, 17 de março de 2009

Calvin & Hobbes #2


A quem de nós nunca aconteceu isto? (ainda ontem me aconteceu...mas xiuuu é segredo!!!)

Moda Lisboa 2009

Já foi. Muito giro, boas criações, José António Tenente e Nuno Gama no seu melhor; Nuno Baltazar também esteve muito bem!

A par, do Moda Lisboa, também se realizou a New York Fashion Week, um dos eventos mais badalados do mundo da moda, esperemos que algum dia possa assistir...

domingo, 8 de março de 2009

Recordações




Na sexta-feira de manhã, ia no comboio a ouvir esta música, e comecei a ter recordações... Recordações essas que voltaram hoje á noite, enquanto jogava e ouvia esta música.

Lembrei-me daquele verão, em que tanta coisa aconteceu, idas á praia, festivais, curtes, viagens, tardes sem fazer nada em casa, tardes na esplanada na conversa e na palhaçada com os amigos.

Tenho saudades desses tempos, agora tou melhor ainda, mas juntar as pessoas dessa altura, com as pessoas de agora, seria perfeito!